MENU

Experiências Extensionistas da Unit PE se destacam no cenário estadual

Os cursos de Análise e Desenvolvimento de sistemas e Direito foram os primeiros a adotarem o componente curricular, e em 2022, Enfermagem e Odontologia passam a integrar as práticas de extensão

às 19h06
Reprodução de imagem: Pixabay
Reprodução de imagem: Pixabay
Compartilhe:

A Unit Pernambuco junto ao Grupo Tiradentes larga na frente, incluindo a experiência extensionista com a vivência da prática profissional ainda no período de ensino aprendizagem acadêmica. Em agosto de 2021, a Unit PE implementou os projetos de extensão inicialmente em dois dos 17 cursos oferecidos na unidade.

Direitos e Análise e Desenvolvimento de Sistemas (ADS) foram as primeiras graduações a passarem pelas adaptações da grade curricular. De forma experimental, atendendo a portaria do Ministério da Educação (MEC) publicada no ano de 2018 que estabelece diretrizes para a inclusão de programas ou projetos de Extensão para a educação superior em todo o país, o Centro Universitário Tiradentes atendeu a destinação de 10% da carga horária total do curso para projetos dessa modalidade, em conformidade com o Plano Nacional de Educação (PNE).

A professora que está à frente da Coordenação de Pesquisa e Extensão (COPEX) da Unit PE, Rizete Costa, afirma que o programa de extensão na unidade não corresponde a uma disciplina, mas sim a um componente curricular, essencial para a formação de profissionais qualificados. “Os benefícios e diferenciais desses projetos estão relacionados à vivência prática da profissão escolhida ainda no processo de formação acadêmica, com a finalidade de sair pronto para atender as demandas do mercado de trabalho”, completa.

Para a Unit Pernambuco, a parceria com o Porto Digital do Recife, maior polo tecnológico da américa latina, é um destaque em todo o estado, principalmente quando considerado o nível de empregabilidade de 100%, alcançado pelos alunos formados na primeira turma do curso de ADS da instituição.

No parque tecnológico, os alunos do curso de Análise e Desenvolvimento de Sistemas vivenciam desde o primeiro período da graduação a experiência profissional, desenvolvendo soluções tecnológicas como software e serviços de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e Economia Criativa, com ênfase nos segmentos de games, cine-vídeo-animação, design e demais plataformas mobile e web.

A professora Rizete, ressalta ainda que, no ano de 2021, um grupo de alunos que participaram dos projetos de extensão foi premiado através de residência realizada no Porto Digital. O aplicativo “Boa Feira” foi criado com a finalidade de conectar pessoas e instituições dispostas a fazer doações a pessoas e instituições que precisam receber alimentos. 

A avaliação da coordenadora da COPEX é positiva em relação às primeiras experiências extensionistas. No semestre de 2022.1 chega a vez dos cursos de saúde, Enfermagem e Odontologia, de participarem do programa que proporciona uma imersão na prática profissional.

Compartilhe: