MENU

O que fazer em um projeto de extensão?

Descubra quais as etapas desse processo

às 13h33
Compartilhe:

Um projeto de extensão faz com que o aluno adquira uma experiência além da sala de aula, na faculdade. Através dele, o estudante consegue unir conhecimento teórico-prático, com a vivência de interação com colegas do grupo e professores, tendo maior contato com a área de graduação. 

A extensão universitária se baseia na interação do aluno com a comunidade. Ou seja, todas as práticas feitas em um projeto irão se basear em atividades que podem beneficiar a sociedade, pessoas do lado de fora da faculdade. Mas quais ações são realizadas pelos estudantes e como isso é revertido para a população? Tudo começa na sala de aula, onde os conhecimentos teóricos são a parte inicial – pode ser um assunto, debate ou consequência de uma matéria. A partir daí, o tema já pode ser escolhido. Depois, é hora de iniciar a prática: ler artigos e estudos e escutar a comunidade e saber suas necessidades, anseios, medos, desejos e dificuldades. 

Com isso, o acadêmico tem toda a compreensão do tema do projeto e, com a ajuda do orientador, professor designado para coordenar a equipe, as atividades começam a ser desenvolvidas: cursos, palestras, conferências, atividades online, oficinas, viagens, apresentações e seminários são alguns exemplos. 

Para participar de uma extensão, toda instituição tem o setor responsável que organiza e fornece todas as informações, conectando o aluno a um projeto. Professores também costumam informar novidades aos estudantes e dão dicas para iniciar o processo. Os próprios acadêmicos, inclusive, podem ter ideias, e a instituição oferece o suporte necessário para o desenvolvimento e avanço. 

Compartilhe: