MENU

Fits Goiana apresenta 1° balanço geral da instituição

Primeiro aniversário da Faculdade Tiradentes (Fits) Goiana foi comemorado com apresentação do 1° balanço geral da instituição.

às 13h18
Compartilhe:

A 5° faculdade médica do Grupo Tiradentes comemora 1º ano com evento para autoridades e equipe pedagógica

O primeiro aniversário da Faculdade Tiradentes (Fits) Goiana, localizada no interior de Pernambuco, foi comemorado, nesta quarta-feira (16), com evento especial para apresentar o 1° balanço geral da instituição. Estavam presentes autoridades de Goiana como: Valdemar Neto, representando o prefeito da cidade, Eduardo Honório; a secretária de saúde Lycia Maciel; e a gerente da XII Geres, Danielle Uchôa. A equipe pedagógica da Fits foi representada pela diretora-geral, Vanessa Piasson; pelo vice-presidente acadêmico do Grupo Tiradentes, Temisson Santos; e pelo coordenador do curso de Medicina, José Roberto. 

Estrutura e atendimento 

Na ocasião, foi mostrada toda estrutura montada pela instituição para chegar ao município, que recebeu um novo centro com residência, equipamentos e alunos inspirados em trazer benefícios para a população local. Com a parceria da Fits com o programa Mais Médicos, o incentivo à participação dos estudantes e suas práticas de saúde são maiores, valorizando o contato com a comunidade e a integração ao Sistema Único de Saúde (SUS). 

Os planos futuros são diversos, sempre beneficiando a região e os estudantes. A diretora Vanessa Piasson destacou o reforço da residência médica desde o início do curso, a ampliação de projetos para outros municípios, o intercâmbio entre professores e estudantes de outros países e a continuidade de cursos, treinamentos e atividades.

Inserção social

Um dos pontos principais para a chamada “interiorização da medicina” promovida pela Fits Goiana é a disponibilização de bolsas estudantis totalmente integrais para estudantes de baixa renda comprovada e aprovação no processo seletivo, valorizando ainda mais a região e a perspectiva de moradores para entrar em uma instituição de Ensino Superior de qualidade. “O Grupo Tiradentes conseguiu instalar a faculdade em Goiana assumindo o compromisso de inserção social. Esse projeto muda a vida das pessoas, já que elas vêm e ficam. E outras ainda são atraídas para a região, por conta desse ecossistema que está sendo montado”, contou Temisson Santos, vice-presidente do Grupo Tiradentes.

Ele também enfatiza a importância da Fits Goiana para a população goianense: “Traz uma esperança para uma parcela da população que nunca imaginaria fazer medicina pela desigualdade do processo, e aqui, temos a participação de alunos com bolsa totalmente integral, mudando suas vidas e de suas famílias”, salientou o vice-presidente.

Interiorização da medicina

Para Richard Halt, coordenador do curso de Medicina da Fits Sergipe, trazer a medicina para outros lugares do Brasil é um grande desafio. “Existem, muitas vezes, poucos médicos no interior do país. Por isso, implantar faculdades nessa região é uma necessidade maior, favorecendo os interessados no curso, com a disponibilização de bolsas, aumentando também a chance de fixação desses profissionais médicos após a formação”, salientou o coordenador.

Essa é a mesma opinião do coordenador e professor do curso de Medicina, José Roberto, que vê o conjunto bolsas + instituição local como um grande avanço. “ Em Pernambuco, há mais de 16 mil médicos, sendo que mais de 11 mil se concentram e atuam apenas no Recife e Região Metropolitana. O objetivo é mudar esse cenário. Quando uma pessoa que morou no interior, e conhece todas as problemáticas da localidade, se forma em medicina e fica naquele lugar, ela torna-se uma semente produtiva porque vai estar envolvida com aquela cidade. Hoje, com o favorecimento das bolsas, há 5 bolsistas em cada turma, nascidos ou que estudaram em Goiana”, explicou José Roberto.

Lycia Maciel, secretária de saúde de Goiana, também destacou a importância da interiorização e implementação da instituição no município: “é uma grande relevância para Goiana, fortalecendo as redes de saúde, garantindo maior qualidade à população e aos nossos serviços”, afirmou a secretária. Para Danielle Uchôa, gerente da XII Geres, o momento é de parabenização e continuidade aos trabalhos: “A chegada da Fits Goiana foi importante não só para o município, mas para toda a região, impactando a questão acadêmica e econômica. O local está tendo uma grande evolução”, comemorou a gerente. 

Bolsa de estudos

No evento, os alunos da instituição Fernando Clayton e Rebeca Luna, ambos bolsistas, contaram suas experiências, sonhos e planos. Estudantes do 2° e 1° períodos do curso, respectivamente, eles veem Goiana como um local de permanência e reforçam a importância da bolsa integral.

“A Medicina era meu sonho desde criança. Estou muito feliz de estar aqui hoje, tanto pela estrutura, professores e práticas. A instituição é importante para favorecer a saúde aqui em Goiana, e a questão da bolsa é essencial para dar abertura a um sonho, dando condições a pessoas que não têm”, afirmou Fernando.

Rebeca Luna, também moradora do interior do estado, diz que a Fits foi um presente para Goiana. “A cidade precisa muito desse apoio e estamos formando médicos excelentes. Quando vi as disciplinas me apaixonei, além de ter o contato com a população nas unidades de saúde. Tenho a obrigação moral de continuar aqui e ajudar a cidade enquanto médica”, salientou a estudante.

Compartilhe: